ONG Momunes ganha novo espaço para realização de atividades voltadas à população

Standard

Falta pouco para a inauguração do novo prédio da ONG Momunes, em Sorocaba (SP). O espaço comunitário atenderá crianças de 6 a 14 anos e vai oferecer oficinas para os menores e cursos profissionalizantes para os pais dos alunos. O prédio, que está sendo inteiramente construído por meio de doações, vai atender mais de 80 crianças.

IMG_1521

Voluntários auxiliam no acabamento do novo espaço. Crédito: AI Momunes

Ao todo serão oito salas no térreo e um salão de festas no primeiro andar. No espaço externo a intenção é instalar um campo de futebol para as crianças. A coordenadora da ONG, Márcia Maria de Almeida, conta que mais de 200 mil reais foram investidos na construção. “Não temos dinheiro para terminar todo o prédio de uma vez só, então fomos construindo com emenda parlamentar municipal e estadual. Foi com esse dinheiro e a arrecadação dos eventos que estamos angariando dinheiro para construir”, explica.

Desde o ano passado, já foram realizados quatro eventos no novo prédio e a expectativa é de que novos eventos aconteçam ainda este ano.

IMG_1528

Parte da decoração, espaço para crianças e adultos será arborizado com a doação de mudas. O objetivo é deixar o novo local ainda mais aconchegante. Crédito: AI Momunes

Segundo Márcia, a entrega do novo prédio está prevista para o fim de 2013. “A intenção é inaugurar uma parte da obra com um evento para comemorar a parte já construída e novamente coletar mais fundos”, ressalta.

Para a fundadora e presidente da ONG, Mazé Lima, esse novo projeto vai expandir os projetos da instituição e com um espaço próprio. “Esse terreno já pertencia à comunidade negra, foi abandonado por uma época e agora o Momunes reivindicou esse espaço e construiu o prédio. Já estão programados eventos e no começo do ano que vem já pretendemos oferecer curso de computação, culinária e cuidadora de idoso”, salienta.

A nova instalação fica na Rua Oreste Angelo Coló, 116 – Jd São Marcos – Sorocaba (SP).


Movimento de Mulheres Negras. 
O Momunes foi criado há 13 anos e é composto por mulheres negras, que se doam, unidas na busca de ideais, pelo simples prazer de contar a origem e vitórias. Estas mulheres querem e fazem novas histórias de vida. Juntas, comprovam que a união faz, realmente, a força, e que o conjunto é, sempre, maior que a soma das individualidades.

Advertisements

Momunes participa de evento cultural realizado pelo Macs e Quilombinho

Standard

Coral Momunes resgata clássicos do samba raiz em apresentação especial

O Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba (Macs) em parceria com o Centro Cultural Quilombinho realiza uma programação especial em comemoração à 7ª Primavera dos Museus, organizada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). O evento organizado durante três dias vai de 24 a 26 de setembro. Com a temática museus, memória e a cultura afro-brasileira, o intuito da edição evidenciará a contribuição da África para a sociedade brasileira. Por isso, o Movimento de Mulheres Negras de Sorocaba (Momunes) não poderia ficar de fora.

A presidente do Centro Cultural Quilombinho, Rosangela Alves foi a responsável pela organização de todo o evento, assim como convocar as atrações que farão parte dos três dias de comemoração. “Entrei em contato com todas as ONGs de Sorocaba e fiz um apanhado geral das apresentações que Macs achou adequadas para fazer parte”.

Rosangela, que também é oriunda do Momunes, convidou o coral da ONG para fazer o encerramento da festa, na quinta-feira (26/09). Para ela, a parceria com o Macs ressalta a cultura negra na sociedade. “É importante essa junção já que o Macs é tido como um local erudito. Então quando trazemos algo popular, trazemos o povo pra dentro da história”.

Marco Pereira, 52, psicólogo, aliado do grupo de samba Família Pereira, é também parceiro do Quilombinho e desenvolve trabalhos com as crianças e com a equipe da instituição no sentido de trabalhar em prol de recursos para poder lidar com a questão de inclusão social e racismo. Ele está desenvolvendo uma pesquisa de pós-graduação focando na identidade negra e isto o impulsiona ainda mais a participar. “É extremamente importante a apropriação de espaços públicos, que normalmente são excludentes, para culturas populares, em especial a cultura negra”, enfatiza.

Momunes realiza “Samba Solidário” neste fim de semana

Standard

 

Evento é realizado para reunir fundos à construção de novo prédio

samba-solidárioNo dia 21 de setembro, a ONG Momunes realiza a primeira edição do Samba Solidário. Para animar a tarde dos sorocabanos, o evento recebe bandas de pagode e samba da região. A diversão ficará por conta dos grupos Família Pereira Salada Samba Rock e da banda KeroSamba. Além de muita música, porções e bebidas completaram a festa.

Segundo a coordenadora da ONG, Márcia Maria de Almeida, a intenção é de que, pelo menos uma vez por mês, a instituição organize uma edição do “Samba Solidário”. “Se der certo e a ideia pegar, faremos o Samba Solidário todos os meses.”

Os ingressos custaram R$ 10,00. Mais informações para os próximos eventos pelo telefone (15) 3211.1854.